Review: Two and a half Men – Episódio 22 “Why We Gave Up Women” 9ª Temporada

9×22 – Why We Gave Up Women Sinopse: O episódio começa mostrando os principais acontecimentos do anterior, Walden recebe Zoey com sua filha em casa e precisa que Allan fique 1 semana fora, para assim o casal poder saber se está em sintonia para poderem morar juntos. Assim Allan vai para casa de Lidsey e em uma série de acontecimentos ele literalmente se arrebenta inteiro,enquanto Walden é infernizado pela pequena Ava. Com isso ele e Allan decidem que devem voltar a morar juntos novamente. Assim o episódio 22 começa no momento em que Walden retorna a casa para o comunicado, mas após uma conversa com Zoey comunica ao Allan que ele irá dar mais uma chance. Na mesma cena, ao se ver totalmente perdido Allan tem um ataque cardíaco, é resgatado, e no hospital o espírito de seu irmão Charlie vem o visitar. Desde a contratação de Kutcher a série vem enfrentando um tempo de crise (mesmo com a renovação do contrato do elenco principal), mas como um fã de longa data realmente não me importo tanto com a “transformação” da série, gosto de poder saber que ela terá um final concreto. Mas o que vem me preocupando cada vez mais, é que com o foco constante no personagem Walden, perdemos a chance de ver o brilho dos personagens que acompanhamos a tanto tempo, e também devo dizer que estou um pouco incomodado com a constante “Allan tem que se dar mal o tempo todo”. Ainda bem que parece que no fim desta temporada estão entendo que os melhores momentos desta nova fase de “TAAHM” é quando fazem uma homenagem ou usam a referência de todos os anos passados, e é desta maneira que esse se mostra um ótimo episódio. Poder ver Charlie novamente atormentando a família e com seu humor negro é sempre ótimo para qualquer fã.  Khaty Bates está simplesmente fantástica como Charlie, realmente convece, Sheen recentemente confessou que estava honrado pela encarnação. Outra observação que tenho a fazer é que tenho notado a “atenção” dos roteiristas a personagem Ava, será que ela seria a tentativa de deixar a série mais atrativa com uma criança fofa como era na primeira temporada de TAAHM com o Jake (Angus), quem vem a cada dia mais perdendo sua “fofura” e apenas se tornando um maconheiro sem vergonha, o que vem me frustado um pouco também, mas iremos falar sobre isso uma outra hora. Bom, realmente não sei os caminhos que a série irá tomar e se a próxima temporada será seu fim, mas como um grande fã, sempre há a esperança. E fico feliz de poder afirmar que esse episódio foi um acerto.   Nota 8

Leonardo Sena

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *